Onde estamos

Escritório Campinas

Contatos Regionais

Contato Imprensa

Fale conosco

Para entrar em contato preencha o formulário abaixo.

Nome*

Email*

Município - UF*

Telefone*

Assunto*

Messagem*

Desejo receber o vosso Infotrade

(*) Campos obrigatórios.

map_5 map_4 map_3 map_6

Envie seu currículo

Preencha o formulário abaixo.

Nome*

Email*

Assunto*

Messagem*

Currículo (pdf)*

(*) Campos obrigatórios.

» » Blog

Batata é a estrela do Chile

Experimento comprova que nutrição diferenciada aumenta calibre dos tubérculos e traz maior retorno financeiro ao bataticultor

Para o mercado agrícola chileno, a batata é uma das culturas mais representativas. Segundo boletim divulgado em abril de 2014 pela Oficina de Estudios y Políticas Agrarias (ODEPA) do Ministério da Agricultura do Chile, embora a área de cultivo tenha sido de 48.965 hectares, uma diminuição de 1,2% em relação à safra anterior, a produção ficou dentro do esperado, rendendo 21,5 ton/ha, e totalizando 1.054 milhões de toneladas para esta temporada.

Ainda segundo o boletim, apesar de a produção não ter chegado perto do recorde de 1.7 milhão de tonelada, que foi o rendimento atingido na safra de 2010/11, o resultado de 2013/14 foi ótimo porque mostra a recuperação da escassez de água e semente de qualidade, além das enfermidades que afligiram as plantações nas duas safras seguintes à recorde.

Marcos Zani com , Daniel Perales e Maria Alejandra Gióia, da Eurochilena, e um funcionário da propriedade em que foi realizado experimento com batata

Marcos Zani com , Daniel Perales e Maria Alejandra Gióia, da Eurochilena, e um funcionário da propriedade em que foi realizado experimento com batata

Para atender a esse mercado, a Tradecorp do Brasil firmou parceria com a Eurochilena e, a partir desta, está conhecendo a dinâmica de atuação local. Marcos Zani, gerente comercial do Cone Sul, explica que seguindo a indicação de um dos principais consultores técnicos que assessora os produtores onde se concentra a produção de batatas, foi feito contato com o Professor Hernán Pinilla Quezada, da Universidad de La Frontera, da cidade de Temuco. Juntos, decidiram que a variedade testada seria a Asterix, plantada em 14 de novembro de 2013, e os resultados a serem alcançados incluiram melhorar a produtividade e o calibre da batata.  “Portanto, para atingir o proposto, os produtos utilizados foram Aton AZ Plus, Trafos Green Plus e Pumma® Kalidad”, relata Zani. O manejo da cultura, bem como a adubação e o tratamento fitossanitário foram feitos seguindo as recomendações técnicas de acordo com as características da região.

Segundo Zani, as operações agrícolas em batata no Chile e no Brasil são praticamente iguais e a grande diferença é que no Chile são necessariamente irrigadas. “Durante o manejo do experimento, houve períodos de estresse por déficit hídrico em decorrência do sistema de irrigação utilizado na área deste produtor, o que limitou o rendimento total do cultivo”, observa.

Dados mostram resultados com o uso de fertilizantes especiais

De acordo com a análise de variação, apesar de não se ter apurado diferenças significativas no rendimento total da batata, o tratamento que recebeu a mistura de Aton AZ Plus, Trafos Green Plus e Pumma® Kalidad, ficou quase 10% maior que a testemunha, como o gráfico abaixo mostra:

tabela batata zani

Calibre e rentabilidade maiores são destaque no tratamento

Além disso, pôde-se notar importantes diferenças em relação ao calibre. As batatas que receberam os produtos da Tradecorp tiveram calibre maior que a testemunha, com destaque também para a mistura de Aton AZ Plus, Trafos Green Plus e Pumma® Kalidad.

No quadro abaixo é possível analisar a receita bruta por tratamento, de acordo com as três categorias de calibres obtidos, apresentados por ordem de qualidade (valores expressados em US$/ha):

tabela comparativa batata

Além do aumento de calibre, o retorno financeiro também foi comprovado. Para a aplicação de Aton AZ Plus, Trafos Green Plus e Pumma® Kalidad, o produtor investiria US$ 211 por hectare. Com o aumento do calibre, o produtor pode vender a batata por um preço maior e obter uma receita bruta adicional, que chegou a US$ 1.924 / ha (mistura: Aton AZ, Trafos Green e Pumma® Kalidad). Neste caso, o lucro obtido seria de US$ 1.713 / ha. “Isto significa ter um retorno de US$ 9 a cada US$ 1 investido”, ressalta Zani.